Boa Noite - 18:37:57 - Quinta-Feira, 17 de Abril de 2014
 

| Home | Fale Conosco | Biblioteca Online | Organizações Parceiras | Publicações Acadêmicas | Loja Virtual |
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Energia e Ambiente - Detalhes sobre essa informação
Título: CEEE investe R$ 1,5 bi nos próximos 3 anos
Autor: Publicado no jornal Correio do Povo
Data: 28/03/2012
Link: http://www.correiodopovo.com.br/Impresso/?Ano=117&Numero=180&Caderno=0&Noticia=406747
Artigo:
A Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) anunciou ontem planos de investimento para os próximos três anos que ultrapassam R$ 1,5 bilhão. A primeira etapa contempla as subestações Alegrete, Maçambará, Quinta, São Vicente e Scharlau, obras que totalizam R$ 64 milhões e devem ser concluídas em 18 meses. Os recursos são provenientes do pagamento de dívida da União com a estatal. De acordo com o diretor de Transmissão da CEEE, Gilberto Silva da Silveira, os investimentos têm como objetivo recuperar um passivo acumulado de pelo menos 37 obras atrasadas. "Deixamos de receber R$ 68 milhões anualmente por causa da estagnação", revelou Silveira.

De acordo com o diretor, somente neste ano serão R$ 200 milhões já contratados. "O verão passado foi extremo e os problemas foram resolvidos com obras emergenciais. Precisamos minimizar qualquer risco de corte", acrescentou. Os investimentos também atingem a área de geração e distribuição de energia elétrica.

O diretor-presidente da CEEE, Sérgio Souza Dias, afirmou que R$ 900 milhões deixaram de ser aplicados em distribuição. "Em três anos teremos outra condição de fornecimento. O Estado precisa dar condição para impulsionar o crescimento do Polo Naval e do setor agrícola. Energia elétrica é condição básica para isso", ponderou Dias. Ele lembrou ainda que o pico de energia foi de 5.965 megawatts no verão passado. "O crescimento médio da demanda foi de 7,5%, mas em algumas regiões chegou a 20%", reforçou.
© 2010 INSTITUTO LIBERDADE
Av. Ipiranga 6681 – Prédio 96B, Conj. 107 - Tecnopuc - CEP 90619-900 - Porto Alegre, RS, Brasil
55 51 3384-7158 55 51 3384-6893
| Desenvolvido por SUPORTA Web |
Perfil do IL no Facebook Siga o IL no Twitter Comunidade do IL no Orkut